sexta-feira, 2 de janeiro de 2009

Algumas das imagens das nossas memórias:

http://www.youtube.com/watch?v=tyHvZnC0ADc

http://www.youtube.com/watch?v=med2ufpd-Ys&feature=related

O fim de Erasmus

Olá, caros leitores, amigos e futuros estudantes de Erasmus!

Há muito que não escrevemos nada. Temos de pedir desculpas por isso, no entanto, as férias, o tempo mais descontraído de vida de Erasmus acabou e...que falta de tempo!
Por certo querem saber qual a opinião final da nossa experiência. Então nada melhor que passado meio ano para dar-vos essa informação.
Conclusão final: Adorámos e não mudávamos nada na nossa escolha! Claro que nos últimos dias, estávamos desertas para voltar. Só perguntávamos porque não tínhamos trabalhado mais no início, para poder vir embora mais cedo, mas...foi tão bom o início (sem fazer nada a não ser conhecer lugares e pessoas).

Aspectos menos bons da experiência de Erasmus:
1. Saudades daqueles com quem lidamos mais (os amigos do dia a dia e familiares - pais, irmãos, sobrinhos, avós).
2. Sofrimento por não estarmos nos festejos de São João. :) A família Simões toda reunida e a lagrimazinha da Inês a dizer que também lá queria estar. A família Azevedo toda junta a comer sardinha com broa e a viver os festejos de S. João na praia da Tocha e a Catarina quase a apanhar o avião para ir ter com eles...
3. Falta dos molhos de marisco e bechamel, para os cozinhados. E do famoso peixe (este “problema” foi contornável)

Aspectos muito bons:
1. Alargou-se os horizontes culturais: uma nova cultura, uma forma de viver e sobreviver diferente; um modo diferente de olhar o ensino, etc. Quando visitamos um país, podemos ter certas dificuldades, mas cair de pára-quedas num país e saber viver ao ritmo dele é bem mais complicado. Há que adaptar horários e costumes.
2. As amizades: quantas vezes paramos e pensamos no Bruno, na Cristiana, no Mário e no Fábio ("vocês as 3 vão dormir ali"). As amizades polacas (Ela, namorado da Ela, Peter, os olhos bonitos, Eva, Aleksandra Żyła, Łukasz, etc). E os amigaços espanhóis, que quando não faziam asneiras, eram altamente :)
3. Os locais que se visitaram: Cracóvia, Varsóvia, Torúm, Berlim, campos de concentração, Katowice, Gliwice, montanhas, bares, discotecas, etc.
4. As saudades que sentimos, também acabaram por ser boas. Quando estamos com as pessoas todos os dias muitas vezes damos mais importância às pequenas discussões, aos pequenos momentos de discórdia, do que ao verdadeiro sentimento que nutrimos por elas. Claro que este "afastamento" muitas vezes também permite ver que as pessoas são aquilo que nós só começámos a ver nos últimos tempos.
5. O trabalho que desenvolvemos lá, embora com menos conteúdo, permitiu-nos tirar conclusões que nenhum outro conseguiu: como é que os assuntos que estudámos são vistos e aceites pela cultura académica polaca.

Colocando assim as coisas, parece que ir de Erasmus é ir fazer umas férias. Não o vou negar, mas acaba por ser muito mais que isso! São 5 meses em que se vê a parte boa e a parte má das férias :) e por mais que queiramos as nossas memórias, as nossas pequenas aventuras, não dão para colocar no papel e estas são inesquecíveis. (o simples facto de escrever memórias e aventuras, traz a lágrima ao canto do olho...)

Como é que nós estamos agora?
Essencialmente estamos mais magras :D

Inês: chegou no dia 14 de Julho e começou a trabalhar no ITeCons no dia 16 de Julho. A partir desse dia só tem tido o fim-de-semana (para dormir) e três dias de férias para visitar a Expo Zaragoza. Em 2009,2010 e 2011 irá trabalhar para uma tese de doutoramento.

Catarina: Esteve a trabalhar desde 16 de Julho para os pais e vai em 2009, pelo menos seis meses, para a Roménia trabalhar com a Martifer.

Amigos, se tiverem a oportunidade não deixem de fazer Erasmus...

Um Bem-haja

Inês e Catarina

quinta-feira, 19 de junho de 2008

Pedro Fraga e Nuno Mendes em Pequim

"Pedro Fraga e Nuno Mendes, a tripulação do double-scull peso ligeiro masculino (LM2X), conseguiram hoje o apuramento para os Jogos Olímpicos de Pequim depois de chegar no 2.º lugar da final A da regata de qualificação, a decorrer em Poznan, Polónia.Com a qualificação hoje alcançada, a dupla Fraga-Mendes faz regressar Portugal aos Jogos na modalidade de remo, depois da participação em Atlanta 1996 e após a ausência em Sydney 2000 e em Atenas 2004. Além disso, eleva para 16 o número de desportos representados.A Missão Olímpica de Portugal atingiu esta semana o número de 70 atletas, depois do apuramento da dupla de Double Scull Nuno Mendes e Pedro Fraga (Remo) e de Clarisse Cruz (Atletismo), da confirmação de Bruno Pais e Duarte Marques (Triatlo) e da repescagem do cavaleiro Carlos Pinto (Equestre).Também a atleta Maribel Gonçalves (Atletismo) foi integrada no Projecto Pequim 2008, após ter alcançado os mínimos de participação nos 20 km Marcha, uma disciplina em que Portugal tem agora cinco atletas qualificadas para um máximo de três vagas."

in Jornal Record

Nós não sabiamos, mas vocês também não!!! ;)

domingo, 8 de junho de 2008

Partilhar

Que era de vós se nós não partilhassemos algumas coisas?
O telemóvel novo da Inês, depois do dela ter ficado chateado da viagem que ela lhe ofereceu!
Ela, num dia à noite, pagou-lhe um voo de queda livre do segundo andar...e nem acordou! Teve de ser a Catarina a ir juntar o pobre do menino!
A verdade é que ele já está em Portugal e nós estamos aqui!
Essa beleza verde foi um presente da Catarina...





















Sem comentários...apreciem só!

















Vocês perguntam porque não trabalhamos! Porque temos que secar a roupa!!!




Portugal vs Turquia

Começaram as guerras de nações e nós aqui tão longe de Portugal!

Com quem fomos nós ver o jogo??? Com os amigos de erasmus: portugueses e turcos!

Não acreditam??? Os turcos até traziam um cachecol de Portugal. Eles só não percebiam porque os polacos puxavam por Portugal.... :D

Vamos continuar a ver todos os jogos :D

Os jogos da Polónia também não são para perder, mas não começaram muito bem!

Este povo anda delirante com a ida ao Europeu, e nós vamos continuar a gritar Polska, até ser o jogo Portugal - Polónia :D

A bandeira portuguesa já vem a caminho :D


video

sábado, 31 de maio de 2008

alimentação




No outro dia, alguém nos questionou sobre como era a comida cá!

A comida na Polónia não é muito variada. Eles têm como pratos típicos o pierogui e bigos.

Nós já provamos os dois. Os bigos dispensam-se! Os pieroguis são semelhantes a rissóis pequenos, sem pão ralado. No seu interior podem ter carne, cogumelos, puré com queijo ou frambroesas. Podem ser cozidos, fritos ou levados ao micro-ondas.

Seguindo o conselho dos polacos, experimentámos cozidos e comiam-se muito bem!

Em geral, os polacos adoram fazer comida com banha e muitos fritos.

Em conversa com um polaco perguntámos porque a comida deles era tão...tão...pouco ornamentada. Ele respondeu que antes da segunda guerra mundial, comia-se muito bem na Polónia, mas depois as pessoas tiveram de poupar e habituar-se a comer pouco e a cozinhar com poucos ingredientes. Embora a guerra já tenha passado, a população polaca não conseguiu recuperar os saborosos hábitos alimentares.

Apesar de não termos muita escolha, nós engordamos porque...somos boas cozinheiras :D


A primeira foto são os pieroguis... A segunda...é...uma "maravilha"....pão com banha fria... :S



Os nossos cozinhados:









quinta-feira, 29 de maio de 2008

Perguntas e Respostas

Perguntas frequentes

1.Quando acabam a tese?
2.Quando temos que entregar a tese?
3.Temos defesa?
4.Quando vos dão a nota?
5.Quando vamos embora da Polónia?
6.Que vão visitar mais?

Respostas às questões:
1.Estamos a apontar para trinta de Junho (prazo definido por nós).
2.Ainda não sabemos.
3.Esperamos que não, mas certezas não temos.
4.Boa pergunta, mas não sabemos.
5.Não fazemos a mais pálida ideia, mas a partir de dia 15 de Julho não temos onde dormir.
6.Isso também não sabemos, mas não faltam ideias: Budapeste, Berlim e Wrocl
aw :)

Isto parece que andamos aqui de férias, mas não! A gente tem perguntado…mas só segunda é que podemos ter respostas!